Conversando com amigos, estávamos discutindo sobre as profissões. Comentamos que tem pessoas que exercem profissões chamadas humildes e são muito mais felizes, do que muita gente que escolheu profissões chamadas de elite.

Mas por que isso acontece ? Essa pergunta em alguns momentos fica muito difícil de responder, em outros momentos fica bem fácil. Depende da pessoa que você fizer a pergunta.

Mas o mais importante é saber se a profissão que você escolheu, ou vai escolher, é aquela que você se identifica, gosta. Tem muita gente escolhendo profissão pelo modismo. Outros escolhem, porque aquela profissão   está dando dinheiro  no momento e vai por ai afora.

Creio que devemos aprofundar um pouco mais sobre este assunto, pois estamos cometendo um grande erro, escolhendo profissões por modismo ou por dinheiro fácil. Vejo muita gente formada sem exercer a profissão, outros exercendo mas sem nenhum entusiasmo, outros totalmente frustrados com o futuro que desenhava quando se formou. Penso que antes de escolher o curso que vai fazer, devemos refletir o que queremos dessa profissão, o que essa profissão significa para a pessoa, avaliar o grau de satisfação pessoa isso irá proporcionar.

Conversando com o Dr. Wilson Franco, estávamos falando do grande prazer em acompanhar uma gestação e vêr ao final ,a criança com saúde e a mãe também. Ele comentou que o prazer que um obstetra sente em vêr todo um trabalho sendo finalizado de maneira correta, conforme foi planejado, é uma sensação única. Penso que devemos ter prazer na profissão que escolhemos. Creio que hoje as pessoas precisam entender que a profissão que escolher, você irá tirar o seu sustento dela, ela irá atender a todas as expectativas materiais e emocionais.

Creio que as escolas , faculdades, universidades, devem ser mais enfáticos sobre esse assunto, pois é frustrante vêr  ex-alunos que você encontra e pergunta como estão as coisas e ele diz que infelizmente ainda não conseguiu arrumar nada na área que se formou.

Comento sempre que devemos escolher a profissão pelo entusiasmo, pelo sonho e ir atrás desse sonho. Para quem se forma, não é fácil começar, mas não devemos entregar os pontos só por que temos as dificuldades inicias de qualquer carreira. Temos que começar de algum lugar para iniciar . Tem gente que se forma e ACHA que já está pronto para exercer a profissão. É natural nos recém formados o entusiasmo inicial pela profissão, mas não podemos confundir entusiasmo inicial com prepotência, só porque tem um diploma. Hoje no nosso país, um diploma não garante emprego. Um dia garantiu, hoje não. Então precisamos escolher uma profissão que nos dê entusiasmo para que possamos encarar os desafios iniciais, com determinação e vontade. Tem muitas profissões que você só adquiri conhecimento depois de alguns anos de prática, isto eu estou me referindo a carreira de médico, advogado, administrador etc. Só com um pouco de estrada você irá adquirir o conhecimento necessário para ter a segurança na execução da profissão.

Aprender, exige da pessoa humildade,  esforço, exige , dedicação. Hoje na maioria das profissões, você precisa estar atualizado constante, pois as situações estão mudando a cada momento. A cada dia se descobre uma coisa nova, a cada dia se formam conceitos novos, e precisamos estar atentos para não ficarmos de fora.

A algum tempo atrás nós nos orgulhávamos do nosso diploma de datilografia. Eu pergunto e hoje ? Serve para alguma coisa ?  Hoje o que vale é curso de informática. Vejam como tudo mudou.

O que vejo de pessoas que  formadas, que olhando nos olhos você percebe que está ali por obrigação, pois se pudesse escolher outra coisas escolheria. Espero que você não seja mais um que se formou ou vai escolher uma profissão por modismo ou por dinheiro, ou por que papai mandou. Lembre-se que as profissões, elas tem ciclo de valorização. Vou dar um exemplo: a anos atrás se formar em economia era a profissão do momento. Porque isso? Porque tínhamos uma inflação astronômica e os economista não saiam da mídia. Hoje a profissão que está se destacando é a de advogado.

Essas situações são cíclicas, mas o mais importante é que você escolha uma profissão que lhe dê prazer e entusiasmo de querer aprender e correr atrás para exerce-la.

Tem muita gente que se formou e não exerceu a profissão. Eu pergunto: adiantou ficar todo esse tempo da faculdade ou universidade ?

Amigos, se formar e não correr atrás, é desmerecer o seu esforço durante esse tempo todo.  Começo não é fácil, mas vale a pena tentar realizar o sonho. Não deixe o seu diploma em um canto da sala. Faça esse diploma ficar em destaque no seu ambiente de trabalho.