Então você tem uma ideia. Tem certeza que as pessoas estão precisando muito daquilo e resolve colocar seu sonho em prática. Investe todas as suas economias, na compra de maquinário e mobiliário. Enfrenta toda burocracia e se instala em um ponto que julga ser o ideal. Pouco tempo passa e percebe que nem tudo está acontecendo como previsto. Seja bem-vindo, você é mais um integrante do clube de empreendedores que não se perguntou: como administrar uma empresa? Estava tão envolvido com sua ideia que, na verdade, nem pensou nisso.

O fato é que, o Brasil é reconhecidamente um dos países com maior número de empreendedores, mas também detém grandes índices percentuais de empresas que fecham as portas no primeiro ano de vida. Vários fatores contribuem para isso, mas podemos resumir em falta de preparo do empreendedor em como administrar uma empresa.

Não somos preparados para gerir ou administrar algo. Apesar de, hoje, contarmos com uma gama enorme de possibilidades para nos qualificarmos, preferimos arriscar. Às vezes dá certo, mas ainda assim, uma hora vai complicar, por mais criativo ou “adaptável” que seja.

como-administrar-uma-empresa-2A bem da verdade não há segredos, nem grandes dificuldades. O que há, é a necessidade do empreendedor estar qualificado para que seu negócio não entre nas piores estatísticas. Não adianta entender apenas sobre seu produto ou serviço, é preciso mais. Você espera ter sucesso e como alcançá-lo se seus funcionários não forem os mais adequados, se não tem controle sobre as finanças de sua empresa, se não tem processos definidos?

Nos dias atuais, saber como administrar uma empresa é tão valioso quanto ter uma “grande ideia”. É este saber que determinará o sucesso ou fracasso de sua empresa. Desde o início você precisa contar com um bom planejamento estratégico, uma equipe preparada, as finanças organizadas com apoio de um bom sistema de gestão e os processos bem definidos. Ah, sim! Sem esquecer o marketing, afinal tenho certeza de que você precisa se comunicar com o mundo para ‘vender seu peixe’, certo?

Você pode perguntar: Será que preciso disso tudo mesmo? Mas isso não é coisa de empresa grande? Não, não é. E quando cito tudo isso, pode parecer exagero ou, pior, algo complicadíssimo. Mas é relativo e… proporcional. Dependendo do tamanho de seu negócio, você precisará investir mais ou menos em determinada área. Porém, os princípios básicos serão sempre os mesmos.

Se não define desde o princípio qual a missão de sua empresa, o que ela é, ou ainda, o que quer que ela seja no futuro, nada fará sentido. Se, desde o primeiro desembolso, não controla a movimentação financeira, não separa o que é ($) da empresa e o que é seu, jamais conseguirá saber se o negócio está indo bem ou não, quando chegará o momento de uma expansão, de negociar um financiamento, etc. Se contrata qualquer um (inclusive parentes), sem se importar se estão devidamente preparados, como imagina que o negócio poderá prosperar?

Como dito, atualmente, há uma gama de possibilidades para qualificação. Seja através de cursos presenciais ou à distância. Gratuitos ou pagos. Baratos ou caros. As escolhas dependerão das possibilidades de cada um. Sem contar com iniciativas de centros de empreendedorismo de diversas universidades espalhadas pelo Brasil, que dão todo apoio nas mais diversas áreas que o empreendedor necessitar. E, óbvio, o Sebrae, entidade criada com a finalidade de prestar todo apoio a pequeno e microempreendedores de todo país.

Como administrar uma empresa pode ser mais fácil do que você imagina. Basta entender que para ter sucesso, apenas uma ideia não é suficiente.

Como administrar uma empresa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>